Música: Blubell – Eu sou do tempo em que a gente se telefonava

blubell

Você já deve ter visto alguma vez a série global chamada Aline. Se viu, acredito que tenha gostado daquela música de abertura – Uhh chalala, uhh chalala -, onde aparece os três personagens principais andando de bicicleta. Sempre quando assistia – já deitado na cama pronto para dormir – pensava: “Amanhã vou pesquisar quem canta essa música”. Claro que eu nunca lembrava de procurar, e passaram meses até que esqueci disso.

Essa semana, em uma das raras vezes que fico acordado para assistir Jô Soares, logo na abertura do programa tocou a música e descobri o nome da cantora: Blubell.

O que chamou atenção foi a voz da cantora, uma voz leve, meio sexy e tímida. Engraçado, ao escutar a voz dela pensei em como seria essa mulher, e quando vi no Jô Soares, acertei praticamente tudo, exceto a cor do cabelo, achei que era ruivo. Já aconteceu isso com você? De escutar uma voz e tentar ficar imaginando como seria a dona dessa voz. Geralmente acontece ao telefone.

O som de Blubell é meio jazz, passando pelo rock e folk. É um som gostoso de ouvir, daqueles que você coloca no som da sala e deixa rolando em um final de semana qualquer. Exatamente como estou fazendo agora.

Esse ano Blubell lançou um novo CD cujo o título é: “Eu sou do tempo em que a gente se telefonava”. Com 12 músicas – na verdade 11, pois tem duas versões para uma mesma música – de sua autoria, o CD conta com músicas em inglês e português. Encontrei o download deste CD no site musicoteca – clica no link que vai direto para o download. Caso queira seguir a cantora no twitter: @lablubell

Faça download, escute e depois me conte o que achou.

Imagem: studiointro